Educação Financeira – O segredo para o sucesso Financeiro

Tempo de leitura: 2 minutos

Chegou a hora de falar um pouco sobre minha pessoa, não pretendo me estender muito, mas sempre fui criado na base da boa educação, meus pais me deram o que de melhor eles poderiam dar, e a eles só tenho a agradecer, cresci sendo bem incentivado a ler, não posso dizer que sempre fui bom estudioso, mas consegui chegar a algum lugar.

Desde muito tempo estudo finanças pessoais, e sempre tentei por em prática coisas que aprendia no caminho, até que um dia li uma reportagem em uma revista, não lembro bem que revista era, mas na manchete trazia que um homem conseguiu chegar em 1 milhão de reais na bolsa de valores começando com 3 mil reais, aquilo me chamou muito a atenção, mas a manchete, como muitas outras(se não todas) sempre vem acompanhado com confusão.

Naquele momento eu acreditei que os 3 mil reais que ele começou se transformaram em 1 milhão. Mais tarde eu entendi que não é bem assim. Cheguei a tentar o mercado financeiro algumas vezes, obtive alguns ganhos, mas nunca o suficiente para fazer eu acreditar que aquilo ia me tornar rico. Procurei mais informações, mas o que ficou bem claro nessa caminhada é que tão importante quanto investir é ganhar dinheiro(isso é abordado de forma bem clara no blog que sempre acompanhei desde o começo e que faz parte da minha caminhada www.queroficarrico.com/blog/ do grande Rafael Seabra da qual sou um grande fã), então ao longo desse projeto o tema renda extra será tão discutido quanto o de investimentos, ambos estão completamente relacionados, e claro, o de educação financeira que é com certeza o assunto primordial.

Não que algum dia eu já tenha passado por sérias dificuldades financeiras, não posso dizer isso, mas já tropecei em alguns empreendimentos e já errei em algumas escolhas, assumi riscos da qual não soube administrar na época, que me fizeram enxergar melhor o que fazer, mas toda experiência é sempre ótima.

Outro ponto é do comprometimento, que nesse assunto(investimento) nunca fui tão comprometido como deveria ter sido, e creio que esse comprometimento é o que estou tendo agora como nunca tive. Vejo pessoas comprometidas em alcançar coisas, como emagrecer ou fazer aquela viagem dos sonhos, pois esse é o meu comprometimento agora, o da Independência Financeira.

Em relação a dinheiro, o último ano não foi muito bom, pelo menos não o quanto eu gostaria que tivesse sido, mas consegui mudar finalmente essa realidade com alguns ajustes e acertos, o que me fez ver que finalmente está na hora de começar a procurar algumas rendas extras e a investir o meu tão suado dinheiro.

 

4 Comentários



  1. Boa tarde, tudo bem?
    Gostei muito do seu texto, realmente se você não tem um aporte financeiro entrando não tem como investir, foque nas 03 rendas, renda principal, extra e passiva e assim você com certeza irá alcançar a independência financeira!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *