Bolsa de Valores – Em Crise? – Como se Proteger!

Tempo de leitura: 5 minutos

A Bolsa de Valores é o que considero ser o investimento de maior possibilidade de ganho. Durante esse tempo em que permaneci ausente, eu me inscrevi em vários grupos de discussão, em assinaturas de relatórios, cursos, em fim, estou tentando entrar de cabeça nesse mundo onde analisamos o mercado. Em um desses grupos que participo, eu iniciei uma discussão, pois vi que o grupo estava “morto”, por assim dizer, a algum tempo, e vi a relação direta com a “fragilidade” do mercado atual. No grupo eu iniciei perguntando se o grupo ainda existia, e de prontidão, um dos moderadores do grupo respondeu dizendo que não tinha mais mercado para analisar.

Isso me fez lembrar do primeiro curso de investimento e análise gráfica que fiz, em Janeiro de 2010. Naquela época, o mundo vinha se recuperando da terrível crise de 2008, e a bolsa estava em alta, numa grande alta, onde grandes fortunas estavam se formando. No primeiro dia de aula o professor ficou surpreso com a quantidade de aluno, e não esqueço do que ele disse, “Vocês só estão aqui por que a Bolsa de Valores está em alta, ou seja, na pior época para se entrar na bolsa”, essa referência ficou na minha cabeça, e vejo que isso se repete hoje.

Bolsa de Valores em Baixa Histórica

Estamos vivendo atualmente, um pico de baixa histórica na Bolsa de Valores brasileira, e vejo alguns especialistas dizendo que a Bolsa de Valores não é mais um lugar confiável, e aconselham a ficar o mais longe possível desse investimento. Essa afirmação tem o auxílio dos grandes juros que estão sendo oferecidos pelo Tesouro Direto, onde os juros estão chegando a 16% ao ano em alguns títulos, o que consta como um excelente investimento.

Eu penso diferente, crises vem e vão, em toda história da humanidade, investimentos em renda variável sempre sofrem com picos históricos de baixa, e é o que está acontecendo com o Brasil hoje. Já tivemos várias crises ao longo de nossa história contemporânea, e em todas nos recuperamos e a Bolsa de Valores voltou a se valorizar, e a formar novas fortunas. Não estou defendendo partidos políticos, nem dizendo que o atual governo vai se recuperar ou etc. Não estou dizendo para alguém entrar na bolsa de valores as cegas, e achar que o que falo é uma verdade absoluta, pois eu pretendo deixar claro nesse blog que eu sou um ETERNO APRENDIZ, ainda não sou um analista e não faço nem posso fazer recomendações. Eu estou dizendo que estamos em uma grande oportunidade de entrar na Bolsa de Valores na melhor época que temos, estamos em uma baixa histórica, ou seja, pode ser que a bolsa ainda caia mais um pouco, pode ser que ainda piore, vimos a pouco tempo o dólar ultrapassar a marca dos R$4,00, porém, a Bolsa de Valores em algum momento vai se recuperar, e quem estiver entrando na bolsa agora, pode ganhar muito com isso.

Além disso, mesmo que a Bolsa de Valores ainda venha a cair, mesmo que seja por alguns meses, talvez até anos, o investimento na bolsa de valores é algo que deve ser levado para uma vida, e investimentos, para todos os efeitos, devem ser encarados para o longo prazo, a não ser que você encare com olhos de daytraders(em breve teremos uma postagem sobre perfil de investidores onde falaremos dos daytrades).

Nove Altas Seguidas

A Bolsa de Valores brasileira está aos arredores de 45 mil pontos, que transformado em dólar, a quase 4 reais, chega a 13 mil pontos, que consta como uma referência para os gringos começarem a investir, e isso quer dizer, injeção de investimento no país, além de estar vindo de 9 altas seguidas depois de sucessivas quedas. Talvez daqui a dois anos, veremos a bolsa já recuperada, e alguns olhando pra trás e vendo como essa época de crise foi boa!

Além disso tudo, existe os papeis que alguns chamam de “a prova de crise”, que são papeis que mesmo na crise conseguimos tirar algum proveito deles. Isso se deve a algumas empresas conseguir se manter e até lucrar bem na crise, pois é disso que vivem.

Ou seja, mesmo na crise, se você tiver uma estratégia definida, como Alocação de Ativos(Link Afiliado), com certeza você consegue se beneficiar, porque você vai conseguir equilibrar a renda variável com a renda fixa, e escolhendo bem as ações para comprar, pode se sair um grande negócio.

Antes de mais nada quero dizer que não estamos recomendando nenhuma compra ou venda, apenas, por critérios educacionais vamos mostrar aqui um exemplo. Muitos por aí estão recomendando a compra do Itaú SA (ITASA4) composto por 95% em Banco Itaú, 2,1% em Duratex, 0,2% em Itautec, 0,4% em Elekeiroz e 2,1% em demais ativos. Especialistas afirmam que o Itaú é uma máquina de rentabilizar dinheiro. A saúde financeira desse banco está indo bem , porém sofrendo um pouco com a crise. Desde janeiro o papel teve uma desvalorização aos arredores de -11%, e o preço do papel entre 7 e 8 reais, muito abaixo do valor real do papel, então, os especialistas acreditam que em breve ela começará a subir e se recuperar. Abaixo segue o gráfico para análise do papel de Janeiro para cá.

ITSA4
ITSA4

Reitero que não estamos fazendo recomendações, mostramos apenas de forma educacional uma forma de se proteger da crise.

Para se familiarizar mais com a linguagem escrita nessa postagem, entre em nossa área de projeto de 1 milhão, e lá encontrará cursos para adquirir esses conhecimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *